sábado, 12 de novembro de 2016

Meu tato

(Pedro Paulo Marra)

(Foto: divulgação)

Como criança.
Pisei no chão.
E me passou despercebido.
Que andar descalço é tão bom,
que eu até fiz o asfalto ficar colorido.

Produção: 12 de novembro de 2016.

Nenhum comentário:

Postar um comentário